segunda-feira, junho 25, 2007

Minutemen - Double Nickels On The Dime

Se há alguém aqui que nos acompanha faz tempo, provavelmente vai lembrar, que ano passado foi postado o primeiro disco do Minutemen, e nunca mais haviado postado nada, então numa falta do que postar, começei a revirar meus arquivos, e lembrei que eu não havia postado esse álbum "putz, seu babaca, tá na hora de pôr ele então, hein ô..."
Então, Double Nickels On The Dime é um álbum com um combinação bem diversa, de Punk com Funk, rock setentista, instrumentação acústica e até Jazz, na mandeira Minutemen de se fazer tudo isso. Pra quem não sabe, o Minutemen foi uma das bandas mais importantes para o Hardcore no início dos anos 80 nos EUA e também para o nascimento do rock alternativo, assim como os colegas de selo Hüsker Dü e Meat Puppets.
A banda surgiu no ano de 1980 com o power trio D.Boon nas guitarras, Mike Watt no baixo e George Hurley na batera, e gravaram seu primeiro disco The Punch Line, em 81, altamente influênciados por bandas como Wire e Pop Group, misturado com Bob Dylan e Creedence com a velocidade e punch do Punk Rock. Em 83, eles já haviam lançado o segundo disco e estavam preparando material para o terceiro disco, foi quando descobriram que seus colegas do Hüsker Dü estavam planejando lançar um disco conceitual e duplo, chamado Zen Arcade, e isso era um ato de extrema audáçia, imagine, uma banda de punk lançando um disco duplo?
Foi o suficiente para a banda resolver gravar mais um pouco de material e poder lançar também seu álbum duplo pela SST. Em maio de 84 o disco já estava gravado e numa sessão apenas a banda remixou tudo e pelo custo de R$1.000, estava produzido o terceiro disco do Minutemen que viraria uma lenda na música. Com 40 e tantas músicas a banda resolveu dividir elas como o Pink Floyd fez com o Ummagumma, cada um escolhia suas músicas, mas já que eram um trio, a quarta parte, foi posto o "resto" do material como "Chaff", em português, o debulho, de plantação.
Aclamados pela crítica especializada como um dos maiores disco dos anos 80, Double Nickels On The Dime traz vários clássicos como "History Lesson Part II", "Jesus and Tequila", "Political Song For Michael Jackson To Sing", "June 16th", "This Ain't No Picnic" (Primeira e única música da banda a ter um clipe) e claro, "Corona", que é a mais música mais conheçida do trio de San Pedro, a tal "Música de abertura do Jackass". Enfim, um puta discão, atolado de músicas fudidas, clica na capa e confere.

Um comentário:

Chuck disse...

animal !!!!!!